Lourdes, a cidade do Santuário de Nossa Senhora de Lourdes-França

Lourdes é uma cidade no sudoeste da França, na base dos Pireneus. É conhecida mundialmente pelo Santuário de Nossa Senhora de Lourdes, um importante local de peregrinação católica.
Todos os anos, milhões de pessoas visitam a Gruta de Massabielle,, onde podem beber ou tomar banho na água que brota de uma fonte na gruta. Os fiéis vêm em busca de curas milagrosas para doenças e deficiências. Para muitos, é a viagem de uma vida.
Seis milhões de pessoas visitam Lourdes anualmente. A cidade possui mais hotéis per capita do que qualquer outro lugar da França, tal o afluxo de visitantes, franceses e estrangeiros. A cidade é também a entrada para os vales dos rios Arrens, Cauteres, Ossau e Gavarnie.

A história
Em 11 de fevereiro de 1858, a Virgem Maria aparece para Bernadette Soubirous uma jovem simples de 14 anos que vivia no local. Ela alegou ter tido visões da Virgem Maria em uma gruta rochosa.
Orientações divinas a conduziram até uma fonte na Frotte de Massabielle. Desde sua última visão, em 1862, os peregrinos visitam a gruta, para lá deixar suas muletas e encher garrafas com a água milagrosa.
As visões de Bernadette foram reconhecidas pelo Vaticano e a garota foi beatificada em 1933.
A cidade ficou conhecida mundialmente por esses acontecimentos e por isso sofreu muitas alterações como a construção de muitas igrejas, (basílicas) e hotéis para receber os peregrinos.

O que visitar
A Basílica da Imaculada Conceição A Basílica da Imaculada Conceição é também chamada de Basílica Superior e compreende uma nave dividida em nove vãos iguais, de estilo ogival do século XIII. Foi benta em 15 de agosto de 1871 e consagrada em julho de 1876. Seus vitrais retratam a história da Virgem Maria até a proclamação do milagre da “Imaculada Concepção” pelo Papa Pie IX em 1854, e retratando as “Aparições de Lourdes” em 1858.
A Basilique du Rosaire. A basílica românica-bizantina do Rosário é um monumento de grande interesse pela ornamentação de mosaicos venezianos espalhados por uma área de 2.000, trata-se de uma basílica menor dentro do Santuário de Nossa Senhora de Lourdes, na França. Seu tema principal é uma celebração e representação do Rosário.

Basílica de São Pio X
A Basílica de São Pio X é subterrânea e foi construída para as celebrações dos 100 anos das aparições. Como não havia um grande espaço para receber todos os peregrinos que iam chegar ao santuário naquele ano, a solução encontrada, foi construí-la abaixo do santuário, com uma superfície de cerca de 12.000 m2.
Ela é decorada por 39 telas que representam diversos santos e beatos, bem como por 52 obras em gemmail (uma técnica artística constituída pela justaposição de fragmentos de vidro colorido).

O Castelo Museu
Trata-se de um dos castelos mais conhecidos da França e com grande importância histórica para o país. Construído desde 778, nos séculos sequentes foi habitado pela Coroa Francesa e também serviu de prisão durante o período revolucionário no país e nunca foi destruído.
Desde de 1921, abriga o Museu de Pyrênées, que possui uma coleção importante dos francês e espanhóis.
Além da bela vista do local de impressionante arquitetura, os turistas poderão participar de uma visita guiada no interior do castelo.

Casa natal de Bernadete
Além da arquitetura típica do século 19, os turistas poderão observar diversos móveis e objetos que ilustram a vida desta importante religiosa para o povo francês.

O museu de cera
A vista ai museu é possível ver várias figuras importantes para a Igreja Católica e para o mundo em cenários perfeitos.

O Circo de Gavarnie, obra colossal da .natureza
Gavarnie é uma pequena aldeia de montanha situada no Parque Nacional dos Pirenéus, a cerca de de 1 400 metros de altitude, junto à fronteira com Espanha. O circo de Gavarnie situa-se poucos quilómetros a norte da aldeia e faz parte do maciço do Monte Perdido, classificado como Património Mundial da UNESCO desde 1997.
O gave (ribeira) de Pau, que na região é denominado gave de Gavarnie, passa pela aldeia e tem a sua nascente na cascata de Gavarnie, frequentemente referida como a mais alta da Europa (com 422 m de altura). Outro curso de água importante da comuna é o gave des Oulettes, afluente do gave de Pau, que nasce na comuna com o nome de gave d’Ossoue.
O turismo é a principal atividade económica da comuna, que regista cerca de um milhão de visitantes por ano, sobretudo no verão. No inverno está em funcionamento a estância de esqui de Gavarnie-Gèdre, a qual conta com 11 meios mecânicos, 29 pistas de esqui alpino e uma de esqui de fundo, um rinque de patinagem coberto com 555 m² e uma pista de bob-luge

Gastronomia
Em Hautes-Pyrénées, é imprescindível conhecer a gastronomia local, e realmente conhecer o país. A culinária faz parte da vida cotidiana, e especialmente das festas!
Aproveite as especialidades Bigourdanes e suas receitas, passeie pelos mercados em um ambiente típico dos Pirineus, e conheça seus produtores
O lado salgado: o cordeiro dos Pireneus, o garbure, o porco preto Gascon, ou o pato e suas muitas receitas.
O lado doce: o bolo tradicional “à la broche” ou cailloux du Gave!

Para os católicos
Estar em Lourdes é experimentar o amor de Deus pelos homens e mulheres, sobretudo pelos mais frágeis e doentes. É sentir-se abraçado pelo amor de Maria, a mãe de Jesus, que de modo simples acolhe, abraça e intercede pelos seus filhos necessitados de amor e de saúde. De Lourdes eu trouxe um frasco de água, e lá deixei, emocionado, muitas lágrimas, que somadas às lágrimas de milhares de devotos, fortalecerá ainda mais o santo solo da gruta de Massabielle.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *