Osasco promove 2ª Copa LGTBQIA+ de Vôlei

Entre 16 e 19/06, a Secretaria de Esporte, Recreação e Lazer (Serel) da Prefeitura de Osasco, em parceria com o Instituto Divertere, OAB Osasco (Comissão da Diversidade Sexual e de Gênero), ONG Mães da Resistência realizou a 2ª COPA LGBTQIA+ de Vôlei 2022, voltada ao público LGBTQIA+ (lésbicas, gays, bissexuais, transexuais, queer, intersexo, assexual).

Os jogos foram realizados no Ginásio Esportivo José Liberatti, em Presidente Altino, com a participação de 9 (nove) equipes: Euphoria Volleyball, Galatasary, Fantasy Volley, Ota Vôlei, Unicorns Brazil, Lets Go Voleibol, Vitra Voley, Viva Le Vita e Divertere Rank Volley.

A cerimônia de abertura contou com as participações do secretário de Esporte, Recreação e Lazer, Rodolfo Rodrigues Cara, da deputada estadual Mônica Seixas, das vereadoras de Osasco, Elsa Oliveira e Juliana da Ativoz, do representante da OAB Osasco, Dr. Molico, da representante do Instituto Divertere, Dra. Mônica Godoy, da coordenadora Estadual do Mães da Resistência, Monaliza Godoy, e da atleta do Voleibol Osasquense, Tifanny Abreu.

A equipe Vitra contou com a presença da atleta Thaísa Daher, como treinadora. Considerada uma das jogadoras mais altas do vôlei mundial, a central é bicampeã olímpica (Pequim 2008 e Londres 2012), ouro nos Jogos Pan-americanos Guadalajara 2011 e prata no Rio de Janeiro em 2007, Pentacampeã do Grand Prix (2008, 2009, 2013, 2014 e 2016) e vice-campeã mundial pela seleção brasileira em 2010.

Além de presenças ilustres, duas parcerias fizeram diferença no evento a Secretaria da Saúde e seus colaboradores realizaram orientação com os programas IST/AIDS e Hepatites Virais, Centro de Referência e Treinamento DST/ Aids/SP e Programação Estadual DST/ Aids/SP. Além de testagens de Covid, HPV, Sífilis e HIV; orientações de doenças bucais; prevenção e orientação de técnicas de escovação dental; demonstração da tabela nutricional e composição dos principais alimentos; Acolhimentos e encaminhamentos do serviço social; e Educação e Saúde: diversidade sexual.

Também houve a parceria da Colmeia feiras e seu expositores de artesanato, costura criativa, bordado, cristais e pedras naturais, moda masculina, pratas, arte em fotografia, gastronomia, confeitaria, drinks e bebidas, terapias integrativas, velas, saboaria, peças exclusivas e autorais e Sex Shop.

A coordenadora do evento, Mônica Araújo, disse que a edição foi finalizada com sucesso. “Nosso objetivo foi alcançado, com nove equipes participantes, jogos incríveis e alegria contagiante durante todo o evento. As equipes saíram de nossa cidade agradecendo o acolhimento e organização do evento. Disseram também que estarão aqui na próxima edição, e por tudo o que representa, que esse torneio faça parte do calendário oficial de nossa cidade”

Pelas redes sociais, o atleta Davys Mello, integrante da equipe Unicorns Brazil manifestou seu contentamento com o evento. “Foi o segundo ano consecutivo que minha equipe participou. Esperamos que se torne um evento fixo e tenhamos muito mais participações. Agradecemos imensamente pelo cuidado com que fomos tratados, desde a inscrição até o final do campeonato! Foi sensacional”.

“Pelo segundo ano consecutivo aconteceu o evento, com a integração da população LGBTQIA+ por meio do esporte. Aliás este ano ainda realizaremos mais uma modalidade, para garantirmos a inclusão. Aguardem as próximas notícias”, informou o secretário, Rodolfo Rodrigues Cara. 

Classificação final:

1º Vitra Voley

2º Ota Vôlei

3º Galatasary

4º Viva Le Vita

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.